CN antecipou nome do novo Reitor da USP.

No dia seguinte à realização do primeiro turno da eleição na Universidade de São Paulo (USP), o Cotidiano Nacional publicou um texto comentando o resultado da eleição. Para relembrar, clique aqui.

Em um determinado parágrafo, que reproduzo abaixo, dizemos que inserido no texto estava o nome do próximo Reitor.

“Já nos corredores da Reitoria da USP, acredita-se que o governador já tenha seu nome de preferência. O novo Reitor será responsável por administrar R$ 2,8 bilhões de reais, estimativa de orçamento da Universidade. A USP, junto com UNESP e Unicamp abocanha 9,57% do ICMS do Estado. O maior problema é que no caso da USP, quase 90% desse dinheiro é usado para pagamento de pessoal. Grande a Universidade já é, mas acredito que poderia ser muito maior se o valor destinado ao ensino e pesquisa fosse maior. Isso, no entanto, é impedido por conta das obrigações da Universidade com seus servidores. Realmente deve ser bastante interessante ser o administrador da maior universidade brasileira. Outro desafio do novo Reitor será ser o primeiro reitor após o mandato da primeira reitora da história da USP. Diante de todos esses desafios, o Cotidiano Nacional deseja sorte aos Reitoráveis. Aproveitamos para informar ao nosso leitor que neste texto está contido o nome daquele que acreditamos seja o escolhido pelo Governador Serra, nome que não podemos revelar por motivos óbvios, pelo menos para o editor deste blog. Se tivermos a razão, iremos revelar posteriormente à confirmação do nome pelo governador.”

Um simples palpite? Talvez, mas com certa dose de análise política de quem vivencia o dia-a-dia da maior universidade brasileira.

Abaixo, reproduzo novamente o texto em um formato que facilite a identificação do nome de João Grandino Rodas.

Já nos corredores da Reitoria da USP, acredita-se que o governador já tenha seu nome de preferência.
O novo Reitor será responsável por administrar R$ 2,8 bilhões de reais, estimativa de orçamento da Universidade.
A USP, junto com UNESP e Unicamp abocanha 9,57% do ICMS do Estado.
O maior problema é que no caso da USP, quase 90% desse dinheiro é usado para pagamento de pessoal. Grande a Universidade já é, mas acredito que poderia ser muito maior se o valor destinado ao ensino e pesquisa fosse maior. Isso, no entanto, é impedido por conta das obrigações da Universidade com seus servidores.

Realmente deve ser bastante interessante ser o administrador da maior universidade brasileira.
Outro desafio do novo Reitor será ser o primeiro reitor após o mandato da primeira reitora da história da USP.
Diante de todos esses desafios, o Cotidiano Nacional deseja sorte aos Reitoráveis.
Aproveitamos para informar ao nosso leitor que neste texto está contido o nome daquele que acreditamos seja o escolhido pelo Governador Serra, nome que não podemos revelar por motivos óbvios, pelo menos para o editor deste blog.
Se tivermos a razão, iremos revelar posteriormente à confirmação do nome pelo governador.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s