Doe sangue e salve algumas vidas

Desde 1996 adquiri o hábito de doar sangue, pelo menos umas 3 vezes por ano. De lá pra cá, devo ter doado pelo menos 2 vezes o volume de sangue que tenho no corpo.

A sensação de poder ajudar alguém é muito boa. Nunca soube quem recebeu meu sangue, mas mesmo assim continuo oferecendo de forma voluntária. Também nunca espero receber nem mesmo um obrigado, ou uma medalha (apesar de ter ganhado uma medalha). Há tempos venho me exercitando na tarefa de fazer qualquer coisa sem esperar nada em troca.

E sábado passado foi um dia desses. Fui ao Banco de Sangue localizado no Hospital das Clínicas em São Paulo doar mais 400/450 ml de sangue.

Se você está em boas condições de saúde e respeita todas as normas necessárias para doar sangue, não vejo porque você não possa, pelo menos uma vez por ano (mesmo que possa mais vezes) doar sangue para aqueles que precisam. E pode acreditar. Sempre estão precisando de sangue.

Não há desculpa para não doar sangue. Seu sangue não vai afinar nem engrossar. Se a sua desculpa é de caráter religioso, pior ainda. Não aceito ignorância nestas horas.

Não tem nada melhor do que poder oferecer o que nós temos de melhor para pessoas que nem sequer conhecemos. É um gesto de humanidade, acima de tudo.

Maiores informações, consulte http://www.prosangue.sp.gov.br

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s