O fim das compras de mês

Uma reportagem neste domingo mostrou um casal com problemas financeiros indo ao supermercado fazer a compra de mês e gastando perto de R$ 600,00. Independente desta reportagem, já faz um tempo em que me pergunto o porquê de se fazer compras de mês.

São várias os revezes, desde os supermercados lotados, até as alterações de preços que os supermercados fazem de forma descarada e o fato de comprar muito, mas muito mais do que realmente necessitamos ou de ter a capacidade de consumir no intervalo de um mês. E obviamente muitas outras compras menores deverão ser feitas no decorrer do mês, aumentando o gasto com essas despesas.

E dizer que está gastando bem porque está comprando comida também é uma desculpa fajuta. Gastar muito não significa que você está se alimentando de forma adequada, ou mesmo com qualidade. As compras por mês era na época do Sarney, quando a inflação chegou a 80%. Não deveria ser fácil comprar um pacote de arroz por R$ 8,00 no começo do mês e por R$ 14,40 no final mês. Por isso surgiu a compra do mês.

Mas agora, com mais uma década de estabilidade econômica, podemos deixar essa prática de lado e tornar as compras em supermercado uma atividade mais prazeirosa. Quase uma diversão.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s