Arquivo da categoria: Especial Salitre

Leitor questiona Anvisa sobre a utilização do salitre na alimentação

Com a generosa contribuição do leitor Adriano Lima, publicamos uma comunicação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) referente questionamento sobre a utilização do salitre em restaurantes.

Como já foi abordado pelo Cotidiano Nacional, sendo inclusive o artigo mais visitado até o momento, a utilização do salitre em preparo e/ou “tempero” das refeições é bastante discutido pela população, dando crédito ao salitre inclusive pela sensação de “estufamento” pós-almoço. Comer exageradamente agora mudou de nome!

A alta procura pelo artigo também nos causou curiosidade e, portanto decidimos pesquisar e aceitar contribuições de nossos leitores para tentar desvendar o mistério do salitre.

Para aqueles que nunca ouviram falar sobre o assunto, saiba que o salitre é usado na fabricação da pólvora.

Abaixo a resposta na íntegra da equipe da Anvisa:

“Em atenção a sua solicitação, informamos não ser de nosso conhecimento casos documentados de utilização de nitrato de potássio em restaurantes. Uma vez que a fiscalização de produtos e estabelecimentos é de competência dos órgãos de vigilância sanitária municipais, distrital e estaduais, solicitamos que caso seja verificado o fato descrito, encaminhe denúncia diretamente ao serviço
de vigilância sanitária de sua localidade, cujo endereço encontra-se disponível em
http://www.anvisa.gov.br/institucional/snvs/centro_est.htm.

Atenciosamente
Equipe Técnica Gicra/GGALI”

Se por algum motivo o leitor ainda tiver dúvidas, continue acompanhando o CN para saber mais sobre a intrigante saga do salitre.

2 Comentários

Arquivado em Cotidiano Nacional, Especial Salitre

A intrigante saga do salitre

Tudo começou quando ouvi uma conversa sobre a comida do restaurante ter muito salitre, por isso a pessoa se sentia “estufada”.

Desde então, o postSalitre: mito ou sabedoria popular?” se transformou no texto mais lido do Cotidiano Nacional, com números que para nossos padrões, estão superando e muito nossas expectativas.

Para quem se lembra do “Os mais lidos do Cotidiano Nacional“, o post mais lido era a história dos golfinhos do Pará (atualmente como o terceiro mais lido), que tinha os olhos arrancados para fazer amuletos para os homens. Esse artigo foi publicado em 16/07/2007 e marcava 191 acessos contra 91 acessos do 2ª colocado.

Já a história do salitre superou e muito essa marca, alcançando até agora 631 acessos, recorde absoluto, e deixando o 2ª mais lido muito atrás, com 329 visualizações. Este fala sobre o fim do fim do mundo. O asteróide Apofis que estava em rota de colisão com a Terra, após novas mediações da Nasa parece que passará ao largo de nosso planeta.

Por conta dessa “explosão” de popularidade do salitre, comprometi-me com alguns leitores pesquisar mais sobre o salitre e como pode ter surgido toda essa história de ser usado nos restaurantes, penitencias e internatos (como teria sugerido um leitor).

Continue nos acompanhando que muito em breve teremos mais sobre o salitre.

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional, Especial Salitre

Salitre: mito ou sabedoria popular?

Ouvindo (involuntariamente) duas moças conversando sobre “almoçar fora”, elas falavam sobre o fato de engordar demais quando comem fora e colocaram a culpa no salitre. Não é a primeira vez que ouço pessoas comentando que a comida de restaurante tem salitre, que além de engordar causa a sensação de “estufamento” no estômago.

Salitre, também conhecido como Nitrato de Potássio (KNO3), é usado na fabricação da pólvora e em combustíveis sólidos de foguetes amadores. Só por essa descrição ficaria seriamente preocupado com o fato desta substância ser usada em alimentos.

Mas ele de fato é usado, principalmente pelas industrias de embutidos, buscando evitar a proliferação de uma bactéria causadora do botulismo, que é uma intoxicação alimentar grave. Em contra partida, o consumo em grandes quantidades pode causar câncer, anomalias em fetos e, em contato com a corrente sanguínea, podem transformar a hemoglobina em metaemoglobina, que é incapaz de transportar oxigênio.

Diante disso, deveríamos evitar certos tipos de comidas – os embutidos – que sempre foram considerados “veneno” e procurar as autoridades de saúde pública para saber se isso tudo não passa de um mito ou é de fato sabedoria popular.

Leia mais:

A intrigante saga do salitre

Leitor questiona Anvisa sobre a utilização de salitre na alimentação

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional, Especial Salitre