Arquivo da tag: corrupção

Como escolher seu candidato para as eleições de 2012?

Mais um ano eleitoral, e nada melhor do que voltarmos o Cotidiano Nacional debatendo o teatro dos horrores em que se tornou a campanha de rádio e tv, principalmente para os cargos de vereador país afora.

Devido ao grande número de candidatos, com destaque para oportunistas e aventureiros de ocasião, é humanamente impossível que o eleitor saiba qual é a proposta de trabalho do fulano, muito menos de onde saíram tanta gente interessada em prestar um serviço público, voluntário e gratuito. Só que não.

Convém destacar dois casos de sucesso, para o bom entendimento do nosso raciocínio:

 

cavaletes-no-bairro-do-jabaquara-em-sao-paulo-615x300 

Nosso país passa por um excesso de democracia, onde não se pode criar barreiras para qualquer pessoa de bem concorrer a qualquer cargo eletivo, o que em teoria é uma ótima premissa, já que a seleção natural – manuseada pelo voto – cuidaria para eliminar os ruins. Ou melhor, deveria funcionar assim, mas o extremo descontentamento e o conformismo institucional plantado em nosso DNA nos impede de ver além de nossos próprios narizes.

Nosso segundo ponto é o chamado efeito manada, maria vai com as outras, ou como queira chamar. Basicamente repetir aquilo que deu certo, sem fazer uma análise de critérios, sem medida. O maior exemplo disso é a forma de como nossos candidatos brasileiros têm copiado a estratégia de campanha e mídias sociais utilizadas na campanha que elegeu Barack Obama ao posto de imperador do mundo presidente americano.

Juntando tudo isso, o que vemos é um circo montado, cuja única função é iludir o eleitor e desviar sua atenção para coisas não relevantes, nos fazendo esquecer daquilo que realmente importa.

É o típico caso de lobo em pele de cordeiro.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Eleições, Vivendocidade

Arruda e seus pecados

Todos tomaram conhecimento do antro de corrupção que se tornou o governo do DF, comandando pelo Arruda (DEM).

Mas foi a primeira vez que eu vejo algo ser encarado com tanta passividade. Certamente existem muitos outros interesses, que nem fazemos ideias. Tanto é verdade que o DEM ameaçou expulsar Arruda, recebeu um contragolpe (leia-se ameaça) e ai todos ficaram quietinhos, com o rabo (preso) entre as pernas.

Mas o governador Arruda é pior do que eu imaginava. Ontem pediu desculpas por seus pecados, mas antes havia feito piadas por causa das denúncias de corrupção. Ele não tem condições morais de fazer piada. Ele não tem condições nem de sair de casa sem segurança. Eu não sairia.

Cada um tem o seu caráter. Eu não sou santo, mas se tivesse roubado como ele fez, e sido flagrado como ele foi, teria ao menos vergonha de sair de casa e não ficaria “todo sorriso” em frente as câmeras de televisão.

Penso que os jornalistas poderiam adicionar aos seus objetos de trabalho um sapato velho, destes que podem ser descartados. Aquela careca lustrosa e aquela cara “deslavada” parecem um alvo perfeito. Pensem nisso.

Deixe um comentário

Arquivado em Cotidiano Nacional

Tocantins: continuam os escândalos nas Universidades

Este post marca a volta da Série “Viagens pelos Estados”. Apenas para lembrar o nobre leitor, nosso intuito é mostrar que não é só em São Paulo e Rio de Janeiro que acontecem coisas boas e coisas ruins.

Isso ficou bastante evidente no post Amazonas: lá também é Brasil publicado em julho de 2007.

Assim como a violência acontece em todo lugar, a corrupção impera em nosso país e parece que o nosso presidente atribui esse acontecimento a um “problema cultural”.

Comentários insanos a parte, uma Universidade do Tocantins acaba de trocar seu reitor. Um renunciou alegando problemas de saúde, mas a verdade mesmo é que ele estaria envolvido em desvio de dinheiro.

A Universidade oferece cursos a distância, o aluno paga para uma empresa que tem convênio com a Universidade, e esta empresa não estaria repassando os valores para a Universidade e esta por sua vez não paga seus funcionários. Pergunto: se o dinheiro é para ir pra Universidade, porque passar na mão de “atravessadores”?

De qualquer forma foi nomeada a nova Reitora que declarou ser “um desafio importante e de grande responsabilidade social”. Resumindo: falou e não disse nada.

Outro assunto que chamou a atenção é que na Assembléia Legislativa do estado, parlamentares não consideraram importante a presença do ex-reitor para dar explicações. Muito, mas muito estranho essa atitude. Inconformado, o deputado que queria convocá-lo disse que anteriormente já havia feito outra denúncia em relação a outro órgão público e também não teria sido ouvido.

Tudo leva a crer que o estado do Tocantins é novo, mas não é bobo e está de lama até o pescoço. Como está perdido lá no meio do Brasil, nem sequer passa na televisão. Mas se alguém roubar uma galinha aqui em São Paulo, passa até no fantástico.

Apenas para título de informação, a Unitins é “Fundação Pública de Direito Privado, mantida por entidades públicas e particulares, com apoio do Governo do Estado, tendo sede e foro em Palmas, Capital do Estado, e atuação em todo território nacional”. (Fonte: http://www.unitins.br)

Novamente este post só vem mostrar que não adianta se esconder, por menor ou mais longe que seja o lugar, sempre tem corrupção e nem sempre é possível esconder essas mazelas para sempre.

O jornal pesquisado foi o Conexão Tocantins.

Deixe um comentário

Arquivado em Viagens pelos Estados